colecções disponíveis:
1. Lendas de Sintra 2. Sintra Magia e Misticismo 3. História de Sintra 4. O Mistério da Boca do Inferno 5. Escritores e Sintra
6. Sintra nas Memórias de Charles Merveilleux, Séc. XVIII 7. Contos de Sintra 8. Maçonaria em Sintra 9. Palácio da Pena 10. Subterrâneos de Sintra 11. Sintra, Imagem em Movimento


quinta-feira, 3 de junho de 2010

Versão II da Lenda da Pedra Amarela (ou Penedo dos Ovos) de Sintra


© Pesquisa e texto: O Caminheiro de Sintra
Imagem: Arquivo do Caminheiro de Sintra
Transcrição: de Alfredo Beato, através de Manuel Gandra


  Mais uma versão encontrada sobre a Lenda da Pedra Amarela, ou Lenda do Penedo dos Ovos, desta vez  - de acordo com Manuel Gandra - de

Alfredo Beato (História de Sintra).

  Esta versão segunda, acaba por ser praticamente igual à primeira, se bem que muito menos trabalhada na sua prosa, e com um diferente à vontade na maneira como foi escrita.

 Tal como na primeira versão, a imagem apresentada - bem como a localização no mapa - é de um dos outros vários locais - sendo pelo menos três - na Serra de Sintra, com a igual denominação de Pedra Amarela.

  O conteúdo desta versão de mais esta Lenda de Sintra, acaba por ter o mesmo conteúdo que a primeira versão publicada neste blog, e os trâmites que fazem surgir os nomes Pedra Amarela ou Penedo dos Ovos, são exactamente os mesmos:



  "Eleva-se perto do antigo mosteiro (Penha Longa) (nota: hoje um hotel, tal como se pode ver no vídeo), um alto monte que serve de pedestal a uma cruz de pedra. É conhecido pelo “Penedo dos Ovos”, que tem também a sua lenda:
  Dizia-se, que debaixo dele um tesouro encantado se ocultava, o qual pertenceria a quem pudesse derrubá-lo à força dos ovos. Uma velha daqueles sítios, não perdia de olho o tesouro, e caladamente foi juntando os ovos que pode conseguir, e quando lhe pareceu oportuno, deu começo ao trabalho.
Escusado é dizer que espatifou a provisão, e o penedo ficou uma lástima. Ainda hoje há quem suponha que os musgos que o revestem são amarelados pelas gemas de ovos que a velha arremessou."



© O Caminheiro de Sintra


P.S.: Quanto à localização dos sítios mencionados neste blog, tive durante muito tempo a dúvida se a mesma haveria de ser aqui disposta ou não. Pela resolução positiva, peço que faça o melhor uso possível desta informação, o qual principalmente tem a ver com a preservação do património e a não poluição dos locais sob que forma for. Tendo boa fé em si, deixo-lhe aqui no mapa (seta verde - poderá ampliar para ver melhor), a Pedra Amarela em Sintra, Portugal:


Ver mapa maior

3 comentários:

  1. A Pedra Amarela não tem nada a ver com o Penedo dos Ovos, pelo menos não na nomenclatura divulgada entre quem escala rocha na zona de Sintra. O Penedo dos Ovos é efectivamente aquele referido no post, um grande Penedo que existe nos terrenos da Penha Longa. Há alguns anos, o acesso a esse local era franco. Hoje é particular e vedado. Esse penedo tem uma chaminé que era muito utilizada (quando o acesso era livre) pelos escaladores para treinarem essa técnica de escalada. A Pedra Amarela fica numa propriedade entre o cruzamento dos Capuchos e a barragem do rio da Mula. É um grande penedo de granito amarelado, que se vê bem do alto da Memória, para o lado nascente. Também tem várias vias de escalada equipadas.

    ResponderEliminar
  2. http://busileme.blogspot.com/
    Aqui se encontra uma velha foto do mesmo.

    ResponderEliminar
  3. No seguimento do comentário do anónimo de 21 de Setembro de 2010, 16:30, e sendo mais preciso, o link para a foto que ele refere é o que se segue:

    http://2.bp.blogspot.com/_bhko9k1CqdI/TEtuSuaqnQI/AAAAAAAAAEM/aX8BCUxA4U8/s1600/1970abr.jpg

    De novo volto a frisar a confusão de nomenclaturas que esta lenda carrega consigo, relativamente às diferentes "Pedras Amarelas", e ao "Penedo dos Ovos".


    Com os melhores cumprimentos

    O Caminheiro de Sintra

    ResponderEliminar

Caríssimo(a),

por favor sinta-se à vontade para aqui escrever aquilo que agora pensa ou sente.

Ver-nos-emos em breve, sem disso sabermos.

O Caminheiro de Sintra